MEIO AMBIENTE

Responsabilidade Ambiental

"Promovendo a reciclagem de papéis, a Santher ajuda a alcançar o desenvolvimento sustentável"

Dentro desta filosofia, a Santher recicla anualmente mais de 60 milhões de quilos de papéis velhos em seu processo produtivo, o que significa que mais de 1 milhão de árvores deixam de ser cortadas todo ano, reduzindo a utilização dos recursos naturais.

Somente na Unidade de Bragança Paulista produz-se mensalmente cerca de 4800 toneladas de fibras de aparas, o que equivale a preservar aproximadamente 84000 árvores em média.

Desta forma, a Santher contribui para a preservação da biodiversidade e equilíbrio do ecossistema, além da geração de renda para o mercado de coleta e aparistas.

A Santher tem uma grande preocupação com o meio ambiente e por isso adota o Sistema de Gerenciamento Ambiental que busca de maneira contínua o equilíbrio entre atividade industrial, homem e meio ambiente, acompanhando as constantes evoluções tecnológicas, visando garantir a melhoria e a preservação do ambiente nas comunidades em que atua. Este Sistema de Gestão Ambiental gerencia o tratamento de todos os resíduos sólidos gerados, efluentes líquidos, emissões gasosas e busca a utilização racional dos recursos naturais com o intuito de assegurar a prevenção à poluição, promover o desenvolvimento sustentável e atender às legislações ambientais.

Na unidade de Governador Valadares, a Santher é pioneira nos licenciamentos ambientais. A empresa mantém hoje licença de operação de sua unidade industrial do seu aterro para destinação de resíduos sólidos junto a FEAM/COPAM e outorga para captação de águas Estaduais atendendo a legislação na Agencia Nacional das Águas e IGAM (Instituto Mineiro de Gestão das Águas).

Demonstrando a constante busca pela melhoria contínua, a Santher implementou recentemente em sua Unidade de Bragança Paulista novas tecnologias na Estação de Tratamento de Efluentes, que permitiram aumentar ainda mais sua eficiência e o padrão de qualidade de lançamento do efluente no Rio Jaguari.

O resultado deste trabalho está lastreado na contribuição dada pela Santher à Bacia Hidrográfica dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (PCJ), visto que houve considerável redução da carga orgânica atingindo valores muito abaixo dos padrões estabelecidos pelo órgão ambiental.

A Santher, por iniciativa própria, vem também desenvolvendo diversos projetos de contribuição significativa para conservação e melhoria do meio ambiente. Isso fica evidenciado, por exemplo, por muitas espécies aquáticas e silvestres até então desaparecidas, que voltaram a povoar as águas e matas às margens do Ribeirão Capim em Governador Valadares. Ainda nesta unidade, a Santher promove a campanha "Água, Doce Água", que visa à recuperação do Rio Doce e a preservação de suas nascentes.

Outro projeto em andamento nesta unidade refere-se à avaliação para uso de resíduo industrial nas atividades de agricultura e construção civil, reduzindo a disposição de resíduos industriais em áreas de aterros. Os projetos desenvolvidos em parceria com a Universidade Vale do Rio Doce estão em fase final de estudo para aplicação e prevêem a utilização do lodo da estação de tratamento de efluentes da empresa, rico em fibras de celulose, para a produção de adubo e tijolos.

A Coleta Seletiva é um outro projeto que a Santher desenvolve. Colaborando com o sistema municipal de coleta seletiva da cidade de Governador Valadares (MG) e com a Associação dos Catadores de Materiais Reaproveitáveis Natureza Viva, a empresa, que integra o Fórum Lixo e Cidadania, apresenta à comunidade a sua experiência no ramo de reciclagem, fez doações de tambores e bombonas para a coleta seletiva, além de uniformes para os integrantes da associação. Em Bragança Paulista a empresa participa da implantação de projeto de coleta seletiva junto à municipalidade.

A unidade de Governador Valadares também disponibilizou uma área da empresa para produção de verduras e legumes no Projeto de Agricultura Urbana em parceria com a Unicef e Pastoral da Saúde, uma iniciativa para ajudar na nutrição de crianças carentes na comunidade onde se encontra. Por demonstrar ser uma empresa comprometida com as questões ambientais a unidade recebeu do CDL (Clube de Diretores Lojistas) de Governador Valadares e FIEMG Regional Rio Doce o prêmio de Empresa Promotora do Desenvolvimento Sustentável na Bacia do Rio Doce no 1º Fórum das Águas do Rio Doce MG/ES em 30/03/2005.

Curiosidades Ambientais

A coleta seletiva é uma ação simples que ajuda a reduzir a poluição, a economizar recursos não-renováveis e a poupar recursos naturais:

- Reciclar uma tonelada de papel evita o abate de cerca de 15 árvores de eucalipto, economiza 71% de energia elétrica e minimiza cerca de 74% das emissões que se teriam no processo de fabricação;

- Os sacos plásticos demoram cerca de 40 anos para desaparecerem quando lançados no ambiente, já o papel demora 3 meses para biodegradar;

- No Brasil, o consumo de papel é de apenas 4 Kg por habitante/ano, enquanto nos países desenvolvidos, varia entre 12 a 18 Kg por habitante/ano.

Biorredução de Massa

A Santher demonstra mais uma vez sua pró-atividade em relação ao meio ambiente sendo pioneira no mercado papeleiro na contratação do processo de bioredução de massa para minimizar o volume de resíduos sólidos provenientes da Estação de Tratamento de Efluentes em sua Unidade de Governador Valadares - MG.

A técnica de bioredução de massa foi desenvolvida com a finalidade de se obter mais rapidamente e em melhores condições a estabilização da matéria orgânica. Trata-se de um processo controlado de decomposição microbiana de oxidação e oxigenação da matéria orgânica heterogênea gerada no estado sólido e úmido. Durante todo o processo ocorre produção de calor e desprendimento, principalmente, de gás carbônico e vapor d'água com afinidade com o ambiente, não causando impactos negativos.

A unidade de Governador Valadares - MG iniciará o processo nos próximos meses com expectativa de redução em mais de 70% do volume de resíduos, minimizando a utilização de aterros. Podendo estender futuramente este projeto para as unidades de Bragança Paulista-SP e Guaíba-RS.